Regra choca o país: Temer anuncia o fim da Bolsa Família para 600 mil pessoas só este mês


 

O Governo de Temer vai mudar drasticamente as regras de atribuição do Bolsa Família e milhões podem perder o benefício.Compartilhe e ganhe dinheiro. Clique e saiba como! Michel Temer quer eliminar todas as fraudes Michel Temer quer eliminar todas as fraudes

O #Governo de Temer anunciou as mudanças drásticas no regulamento de atribuição do Bolsa Família para todos os beneficiários, tentando assim eliminar ao máximo as fraudes que se verificavam nos últimos anos. Tal como informa o site “Globo”, a intenção do Governo é cruzar as informações dos cidadãos por seis bases de dados oficiais no momento da inscrição de qualquer brasileiro. Com esse maior rigor, só nesse mês de setembro cerca de 600 mil famílias vão perder o benefício que recebiam, por não se incluírem nos novos regulamentos do benefício financeiro.


Bolsa Família é atualmente o maior programa social do Brasil e ajuda cerca de 50 milhões de brasileiros, sendo que seu principal objetivo é mesmo contribuir para a redução da pobreza extrema que ainda se verifica muito no território brasileiro. Contudo, e devido à crise financeira e política, Michel Temer considerou importante tomar medidas extremas na continuação do programa.

Além do CPF ser obrigatório para todos os membros da família que vão beneficiar do programa, também o número de tolerância para os beneficiados vai reduzir de três para dois anos, aumentando assim consideravelmente a rigidez do programa, tal como informa o site “Globo”. Com essas novas regras, que estão causando muita polêmica entre milhares de brasileiros, 600 mil beneficiários vão perder o benefício e, ainda que sendo apenas uma estimativa, o Governo de Temer considera que o número de bolsas atribuídas pode facilmente ser reduzido na ordem dos 20%, ou seja, em pouco tempo cerca de 10 milhões de brasileiros podem perder seu Bolsa Família.

Considerada por muitos cidadãos um programa essencial para tirar milhões de pessoas que vivem em risco de pobreza extrema, as mudanças de Michel Temer no benefício estão provocando muita revolta e choque a muitos brasileiros que, com a nova fiscalização, temem que possam perder seu benefício. Ainda assim, o Governo Temer garante que quem realmente precisa não vai deixar de receber o apoio financeiro do Estado brasileiro, sendo que essas novas regras apenas servem para eliminar declarações falsas e fraudes cometidas que significavam um prejuízo gigantesco nas contas do país. #Bolsa Familia


Avalie este Artigo?


Mais pra voce!