“Medo de morrer também”!! Sobrinho de Lula é assassinado a tiros e crime é ‘escondido’


.

O sobrinho do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, identificado como Marcelo Rúbio Lima Góes, de 36 anos, morreu neste domingo, 17, após discutir com um homem em um bar da cidade de Guarujá, em São Paulo. Estranhamente, o assassinato demorou três dias para ser divulgado pela Polícia Civil. Os investigadores trabalham para identificar quem teria participado do homicídio e o que teria levado a discussão. Não se sabe ainda se uma das hipóteses é o crime político por o homem ser parente de quem é, um ex-presidente.


O G1 trouxe os primeiros detalhes do assassinato, que aconteceu na esquina da Avenida São João com a Rua Carvalho Pinto. As ruas ficam no bairro Pae Cará. No momento da morte, o sobrinho do representante do Partido dos Trabalhadores (PT) bebia em frente a um salão de beleza. Ele estava rodeado de amigos. O algoz do sobrinho do companheiro político da presidente afastada Dilma Rousseff, de acordo com testemunhas, seria um homem conhecido como “Marcelinho”.

O homem após discutir com o parente de Lula deu três tiros dele. O sobrinho chegou a ser encaminhado para uma unidade de saúde, identificada na reportagem como ‘Pronto Socorro de Vicente de Carvalho’. No entanto, ela morreu no local após não resistir aos traumas causados pelas balas.Marcelo Rúbio Lima Góes é filho de um dos irmãos de Lula por parte de pai. O Instituto Lula ainda não havia se pronunciado sobre o falecimento do parente do ex-presidente. O caso estava até então correndo sob sigilo. O enterro do homem, por exemplo, teria ocorrido já na segunda-feira, 18, em uma cemitério da cidade de Vicente de Carvalho. Na internet, muitos amigos e a família do jovem lamentaram a morte. O G1 confirmou o nome do irmão de Lula, pai do falecido, como José Rubens Góes. O contato do ex-presidente com o morto, de acordo com fontes consultadas pelo portal de notícias da TV Globo, era praticamente nulo.


Avalie este Artigo?


Mais pra voce!