Mãe dá à luz a gêmeas idênticas. 12 anos depois, ela percebe uma delas caída no chão do banheiro


 

Você acredita na chamada “telepatia de gêmeos”? Aquela que diz que gêmeos são capazes de compartilhar sensações e pensamentos? Então preste atenção nessa história.

Peggy e Jeff Kehoe estavam extremamente animados em dar as boas vindas a suas gêmeas, Hayley e Jenna, ao mundo.

O par de anjinhos com seus cabelos loiros e olhos azuis claros dividiam um laço indestrutível desde o início.

As garotas estavam crescendo normalmente e de maneira saudável. Mas 12 anos depois, no dia 9 de Fevereiro de 2013, a vida mudou em um instante.

Nesse dia, Jeff, o pai de Hailey, encontrou-a semi-consciente no chão do banheiro. Ela não conseguia abrir seus olhos e balbuciava as palavras. Pior que isso, ela estava sentindo uma forte dor na cabeça.

Seus pais sabiam que algo estava errado, mas, na época, eles não tinham noção da gravidade do problema.

Após ser estabilizada por médicos de um hospital local, descobriu-se que Hailey havia sofrido uma hemorragia cerebral.

Sabendo do risco, Jeff e Peggy apelaram para a única solução que encontraram na hora, acionaram uma equipe de transporte crítico mesmo sabendo do risco de perder sua filha antes de chegar ao centro cirúrgico. Hailey foi levada direto ao centro cirúrgico do Hospital Infantil Hershey em Penn State, Estados Unidos.


A cirurgia iria ajudar a aliviar a pressão interna no cérebro de Hailey. A situação era tão grave que ela foi induzida a ficar em coma.

Hailey nasceu com um malformação arteriovenosa cerebral(MAV), um nó em seus vasos sanguíneos cerebrais que se conectam nas artérias e veias. Ainda sem saber se Hailey iria acordar, os médicos disseram aos pais que o MVA precisava de cuidados, ou ela sofreria a vida inteira.

Nesse mesmo período, sua irmã, Jenna, começou a sofrer com sintomas muito parecidos com aqueles que Hailey estava sentindo. Parecia uma espécie de “telepatia de gêmeos”, algo desconhecido pela Ciência, porém bastante popular em nossa cultura.

Naquele momento, os médicos disseram não poder fazer mais nada por Hailey. Mas Jenna acreditava em sua recuperação: aproximou-se da irmã e segurou sua mão, pedindo que ela não os deixasse.

Pouco tempo depois, coincidentemente, após esse momento, Jenna sentiu-se mal e precisou ser hospitalizada. E, para surpresa de todos, assim que Hailey despertou do coma, Jenna viria a melhorar logo em seguida.

Para os médicos esse caso raro de conexão entre as gêmeas, que resultou na recuperação de Hailey, só pode ser classificado como uma coisa:

Milagre.


Avalie este Artigo?


Mais pra voce!